]

O Ponto de Equilíbrio financeiro na Fábrica de Ração animal

O ponto de equilíbrio financeiro é um fator de segurança importante em qualquer empreendimento. Na indústria, na fábrica de ração animal, isso não é diferente!
por Maria Eugênia em 10/Dec/2018

Os indicadores são usados para o monitoramento das atividades das fábricas em geral, incluindo as fábricas de ração animal. Isto significa coletar informações relevantes e disponibilizá-las para que os gestores estudem e tomem as decisões corretas. Decisões que vão trazer resultados positivos para a fábrica.

Portanto, indicadores são extremamente importantes para a gestão financeira da fábrica de ração. Eles trazem à tona as informações necessárias para que se possam analisar os resultados com objetivo de melhorá-los continuamente. Além do papel importantíssimo de principalmente auxiliar o gestor no processo de tomada de decisão.

Existem vários indicadores financeiros que devem ser observados dentro desse mundo da indústria, alguns deles são o faturamento bruto, EBITDA, CPV..Hoje vamos falar do ponto de equilíbrio! Indicador muito importante para saber sua margem de lucro e assim, poder investir mais e mais na fábrica.

Explicando ponto de equilíbrio na fábrica de ração animal

custos-despesas

As perguntas 'Qual deve ser o faturamento mensal da fábrica para cobrir todos os custos e despesas?', 'Quantas toneladas precisam ser vendidas?' Ou até: 'Como começar a planejar meus próximos passos?' são muito comuns!

Um bom indicador pra você começar a vilumbrar essas respostas é ponto de equilíbrio financeiro: O que você precisa produzir para pagar a fábrica?

O ponto de equilíbrio representa o volume mínimo de venda que precisa ser realizado mensalmente para gerar receitas suficientes para pagar tudo da fábrica. Nesse tudo temos: Todo o custo variável gerado, todas as despesas comerciais geradas e todas as despesas fixas que a fábrica tiver no mês.

É certo que isto significa não ter lucro no mês, mas também também não ter prejuízo. O que faz o ponto de equilíbrio ser realmente valioso é que, partir dele, os novos produtos vendidos passarão a gerar lucro para fábrica. E é com esse lucro que você poderá fazer melhorias na produção para lucrar cada vez mais.

Como calcular o ponto de equilíbrio

Como você já viu essa é uma informação vital para a análise de viabilidade de um empreendimento ou da adequação da fábrica em relação ao mercado. Para obter o ponto de equilíbrio será necessário calcular:

  • O valor total dos custos e despesas fixas mensais.
  • O índice da margem de contribuição.

Onde a margem de contribuição é calculada pelo preço de venda do produto, menos o custo do produto vendido e as despesas variáveis (MC = PV – (CPV +DV)). Margem de contribuição é igual ao preço de venda do produto - (custo do produto vendido somado às despesas variáveis)

É importante ressaltar um fator dessa conta, que é o CPV.  O CPV calcula os custos diretos da fábrica na produção de produtos que foram comercializados em um determinado período. Para isso, além dos gastos específicos da operação, entram nestas contas os saldos inicial e final do estoque.

A relação com a receita líquida significa o quanto da minha receita está comprometido com meus custos diretos de produção, como por exemplo, compras de matéria primas e sacarias. Como normalmente está proporção é bem elevada em fábricas de ração, precisamos estar monitorando constantemente esse indicador visto que qualquer variação no mesmo há um grande impacto no resultado final do negócio.

Desse modo, para calcular o Ponto de Equilíbrio, se tem que aplicar a seguinte fórmula:

formula-ponto-de-equilibrio

 

O ponto de equilíbrio mostra a partir de quantas toneladas ou sacos vendidos a fábrica passa a ser lucrativa, portanto a conclusão mais lógica e comum é “quanto mais vender, melhor”.

Isto não deixa de ser verdade, porém, vale lembrar que a partir de certos volumes de vendas é preciso avaliar a capacidade máxima produtiva de sua fábrica. Afinal, em alguns casos, para vender mais é preciso realizar investimentos ou ampliar a estrutura, elevando os custos e as despesas fixas.

grafico-calculo-de-ponto-de-equilibrio

Portanto é necessário conhecer o ponto máximo ótimo possível com a estrutura atual e quando houver uma necessidade de ampliação da estrutura de gastos fixos, o ponto de equilíbrio econômico deve ser recalculado.

A PRODAP oferece soluções para as fábricas de ração com o objetivo de melhorar o resultado financeiro destas empresas e principalmente a qualidade das rações oferecida aos clientes. Nossas soluções consistem em implementar gestão no negócio além de fornecer núcleos e premixes com a tecnologia adequada às necessidades dos produtores da região da fábrica em questão.

O trabalho é desenvolvido por um time de consultores especializados neste negócio os quais aliam conhecimento técnico em nutrição a processos de gestão. 

Entre em contato com a PRODAP e agende uma visita com nossos consultores, teremos o prazer de conhecer sua fábrica de ração e conversarmos sobre os inúmeros desafios e oportunidades deste negócio.

Sobre Maria Eugênia

Graduada em Gestão do Agronegócio pela Universidade Federal de Viçosa - UFV e pós graduada em Finanças pela Fundação Dom Cabral - FDC. Atuando há 3 anos no mercado de fábricas de ração implementando a Solução Total Prodap na diretoria de Sucesso de Cliente.

Deixe seu Comentário

Você também pode se interessar

Fique por dentro das nossas novidades

Inscreva-se em nossa newsletter