A importância da divisão de lote para vacas leiteiras

A divisão de lotes possibilita um melhor desempenho nutricional, comportamental, produtivo, fisiológico e sanitário nas propriedade leiteiras, maximizando a produtividade dos animais. Saiba as vantagens e como fazer o loteamento em sua fazenda!
por Gabriela Beltran em 29/Dec/2020

Os ruminantes são animais que vivem em grupos. Esse comportamento é uma característica evolutiva que confere a eles vantagens contra predadores, além de questões reprodutivas. 

O comportamento social dos ruminantes sofre grandes impactos quando se trata do manejo animal. A divisão correta dos lotes pode acarretar em diversos benefícios, por exemplo, a excelência nutricional.

divisão de lotes de vacas leiteiras

Objetivos da divisão de lotes

A divisão de lotes tem como objetivo:

  • Minimizar os impactos das interações animais
  • Aumentar a homogeneidade por grupo
  • Ter formulação de dietas mais precisas
  • Diminuir a perda de nutrientes e desperdícios

Como a divisão de lotes influencia a nutrição das vacas leiteiras? 

Os ruminantes passam, em média, 15 horas do dia ingerindo alimentos e ruminando, ou seja, a alimentação é a principal atividade realizada por eles. 

A nutrição possui influência direta na produção de leite e alterações corporais dos animais, sendo de extrema importância para o sucesso em um sistema de produção. 

O agrupamento correto dos animais tem impacto significativo no comportamento e no consumo, além de possibilitar a formulação de dietas específicas para cada lote, aumentando a produtividade dos animais.

Sendo assim, a divisão de lote e a preocupação com sabor, odor, textura e aparência do alimento, status emocional do animal, interações sociais e o aprendizado do animal  se tornam tão importantes quanto a formulação  da dieta.

Estudos mostram que vacas leiteiras alimentadas em grupo são mais saudáveis, confiantes, satisfeitas e produtivas. 

Veja também: Clique na imagem e acesse o nosso ebook para conhecer As melhores práticas de manejo alimentar para bovinos de leite!

Manejo alimentar de vacas leiteiras

Divisão de lotes e o consumo

A ingestão de alimentos é controlada fisiologicamente. Porém, alguns componentes são moduladores que impactam no consumo de alimentos e de água. 

A palatabilidade do alimento, instalações, clima e divisão de grupo são alguns dos fatores reguladores de ingestão pelos ruminantes, além dos fisiológicos e quimiotáticos. 

O controle físico é feito a partir da capacidade de distensão do rúmen-reticulo em função do teor de fibra detergente neutro (FDN) da alimentação. 

O controle fisiológico vem do balanço nutricional da dieta, especificamente relacionado à manutenção do seu equilíbrio energético. 

O fator psicológico está relacionado a resposta animal a estímulos inibitórios e estimuladores no alimento ou no manejo alimentar.

O fato de serem comunitários faz com que a ação de uma vaca influencie na ação das demais em um efeito denominado facilitação social, no qual uma vaca ao ir comer influencia as outras a irem também, estando com fome ou não.

Bem estar

O manejo animal deve ser planejado de forma que permita o comportamento animal normal, focando no bem-estar, conforto e ampla movimentação para que, dentro do grupo, os ruminantes possam formar suas hierarquias de dominância.

A importância de uma divisão de lote correta é valorizar as vantagens do agrupamento animal e as regras de dominância social.

A dominância social nos bovinos está relacionada à idade , tamanho corporal e tempo do animal no rebanho. 

Com a melhora na socialização dos animais, a competição do grupo é minimizada e o estresse animal é reduzido

Como separar as vacas em lotes

Um dos manejos mais utilizados nas propriedades é a divisão dos animais de primeira cria e multíparas.

Essa prática favorece o grupo pela necessidade das vacas que ainda estão em desenvolvimento receberem nutrição diferenciada, devido ao requerimento corporal para produção e crescimento. Geralmente, esse grupo apresenta maior consumo e produção. 

Além da divisão por número de crias, a utilização de critérios como produção de leite, DEL e estado de gestação (lote pré – parto) são muito usuais pela necessidade de uma nutrição diferenciada, devido a suas exigências, como exemplificado com o lote de primíparas.

A divisão também pode ocorrer por questões sanitárias do rebanho. A segregação dos animais doentes ou com algum marcador sanitário, vacinação, por exemplo, são muito importantes pois afetam diretamente o resultado do produto.

Como fazer uma boa gestão dos lotes

Em resumo, a estratégia de divisão de lote, quando respeitada e planejada levando em consideração as questões fisiológicas e comportamentais dos ruminantes, é uma ação que resulta em impactos positivos na gestão das fazendas. 

Com o Prodap Smartmilk, na aba “Análise de loteamento” é possível acompanhar em qual lote cada vaca se encontra, a quantos dias, qual é o seu estado reprodutivo e muito mais para te auxiliar na tomada de decisões de forma muito mais fácil!

analise de loteamento Smartmilk

Saiba mais sobre o Prodap Smartmilk, o sistema de gestão do rebanho leiteiro mais completo, integrado e fácil do mundo! 

Sobre Gabriela Beltran

Graduanda em Medicina Veterinária pelo Centro Universitário de Belo Horizonte ( UNIBH). Atualmente, trabalha com relacionamento e experiência do cliente da cadeia do leite na PRODAP. Acredita na importância da empatia e a tecnologia unidas como ferramentas para o sucesso dos clientes.

Deixe seu Comentário

Você também pode se interessar

Fique por dentro das nossas novidades

Inscreva-se em nossa newsletter