4 fatores que estão atrapalhando o sucesso da IATF na Cria

O protocolo de IATF pode ser a solução perfeita para aumentar a lucratividade da sua fazenda. Veja como resolver os 4 principais fatores que atrapalham o sucesso da IATF
por Rebeca Pimentel em 19/Mar/2021

No início de 2020 cresceu em 30% a procura pela compra de sêmen bovino no Brasil somente no primeiro trimestre, na qual mais da metade dessa porcentagem de foi destinada à produção de bovinocultura de corte para a utilização na prática da IATF.

Esta sigla significa inseminação artificial em tempo fixo, que nada mais é que uma técnica onde será escolhido o dia e o horário onde as vacas serão inseminadas através da sincronização do seu cio.

Nesse texto você vai ver 4 fatores que atrapalham o sucesso da IATF e como resolvê-los! Vamos lá?

Vantangens da IATF

Já escrevemos bastante aqui no blog os conceitos iniciais da IATF no texto IATF em Bovinos: O que é, Como Funciona, Vale a Pena? nele você vai encontrar mais detalhadamente como e porque cada uma dessa vantagens ajuda a impulsionar os resultados da sua fazenda.

Mas, em linhas gerais, a Inseminação Artificial em Tempo Fixo foi desenvolvida para melhorar os resultados da Inseminação Artificial Convencional. Dentro disso, essas são suas maiores vantagens:

  • Aumenta índice de prenhez 
  • Padronização do rebanho
  • Concentração de partos na época adequada e bezerros mais pesados.
  • Utilização de raças industriais 
  • Utilização de sêmen sexado

Como funciona esse processo de inseminação?

No dia e horário escolhido, através de terapia hormonal, é induzida  a atividade ovariana, sincronizando assim o cio de todas as vacas  por meio de medicamentos.

O ciclo estral da vaca dura de 18 a 24 dias, então o inseminador tem esse período para fazer todo o processo que irei somente citar para vocês a seguir:

DO = Dia zero

Colocamos o implante de progesterona  e aplica estrogênio

D7= Dia 7

Aplica a prostaglandina pgf2 alfa

D9= Dia 9

Pgf2alfa + a retirada do implante de progesterona + um certa quantidade de ECG + estrógeno 

Lembrando que se eu tiro esse implante de manhã no mesmo horário que eu retirei depois de 48 horas eu devo inseminar.

D11= Dia 11 - Inseminação 

Esta é uma forma de protocolo lembrando que existem outras formas de protocolar as vacas que também dão certo.

Como saber se tenho sucesso com a IATF no meu rebanho?

Hoje um índice aceitável nas fazendas ao redor do Brasil, para dizermos que a iatf tem dado certo é 55% porém há fazendas que já conseguem 80% de prenhez ou mais, então porque se contentar com 55%?

Com a tecnologia fica muito mais fácil você saber se está tendo sucesso ou não aplicando a técnica de IATF em seu rebanho.

Com o Prodap Views conseguimos acompanhar todos os processo relacionados a IATF dentro da propriedade fazendo com que você possa saber os motivos que interferem na sua taxa de sucesso de prenhez e possa organizar de forma rápida e eficiente para que no próximo cio, os animais consigam ter uma taxa de prenhez superior a anterior.

 controle reprodutivo de bovinos de corte com software de gestão

Melhorando a taxa de prenhez por IATF com 4 fatores!

 

iatf com software de gestão para fazenda

Esta imagem relata como a vaca gasta a sua energia primeiro para sua manutenção, ou seja, o que ela precisa para viver, depois, do que ela alimenta, as energias vão para o seu crescimento, seguindo para produção de leite para alimentação do bezerro, escore corporal, e por último a energia que resta vai para sua reprodução.

Por isso é importante fazermos o manejo adequado dos seguintes fatores que irei relatar para vocês para que a vaca consiga ter muita energia para desempenhar seu potencial máximo para reprodução.

Veja também -> Manejo Pós parto de Vacas Leiteiras: Manejo e cuidados importantes nesse período

Condição de Escore Corporal (ECC): Qual escore corporal ideal?

No mínimo 2,5 máximo 3 quando trabalhos com um escore de 1 a 5, há pessoas que preferem trabalhar com escore de 1 a 9, mas nesse caso para não confundir vamos neste parâmetro.  

Sabemos que nenhum produtor quer um vaca magra dentro do seu rebanho, já que hoje trabalhamos com o valor agregado do @, mas o que pouca gente sabe é que vacas mais magras têm mais dificuldade para emprenhar.

Isso porque vacas magras secretam pouca leptina que é um hormônio  proporcional a gordura corporal pois é produzido por elas, essa leptina vai agir na hipófise para a liberação (LH) hormônio luteinizante e (FSH) folículo estimulante, que vão da o pontapé para o início de uma gestação.

Então resumindo uma vaca magra, come pouco, a energia que sobra é para ela se manter, ela não vai produzir leptina em quantidade adequada e consequentemente não vai haver energia sobrando para reprodução e produção dos hormônios LH E FSH que vão ser responsáveis pela ovulação. 

Nutrição durante a IATF

Como sabemos, a nutrição é prioridade na vida do animal, esta que vai gerar energia para que as outras funções ocorram no corpo do animal. 

Na maioria das pastagens brasileiras, encontramos cerca de 60% de NDT (nutrientes digestíveis totais) ou até menos, dá-se então a necessidade de suplementação porque, como vimos anteriormente, o estado nutricional do animal interfere na produção do hormônio LH fazendo com que o animal não ovule entrando assim em estro. 

Vale a pena ressaltar que deve-se ter cuidado com dietas ricas em proteína pois a mesma causa aumento de nitrogênio ureico no plasma sanguíneo levando a acidificação no meio uterino, dessa forma o feto não consegue se segurar no meio uterino.

Nota-se então como um pasto de qualidade e bem manejado e um cocho bem suplementado podem fazer toda diferença na hora de emprenhar a vaca. Uma dica sempre é suplementar com fósforo e vitamina A.

Sanidade

Quando falamos de IATF, sempre lembramos de sanidade pois esta nos ajuda a reduzir doenças reprodutivas no rebanho, mas vale ressaltar como dito anteriormente reduzir não significa acabar.

Então mesmo tomando todos os cuidados o rebanho fica exposto a doenças reprodutivas como IBR, BVD, Brucelose, Tuberculose, endometrite, retenção de placenta dentre outros que podem vir a diminuir a taxa de prenhez ou fazer com que a vaca tenha uma gestação complicada.

Por isso é sempre importante ter um programa sanitário bem definido de acordo com suas metas dentro da propriedade. Porém este controle deve ser feito de forma correta adotando um calendário sanitário, que especifica quais os medicamentos e as vacinas que devem ser dadas ao decorrer de todo o ano.

controle sanitário de rebanho com software de gestão

Para garantir o fator Sanidade produtor irá agir de forma a prevenir que doenças possam acometer seu rebanho e interferir no seu protocolo de IATF, trazendo assim inclusive prejuizos financeiros com possíveis tratamentos.

Manejo durante a IATF

Todas as vezes que as vacas passam por uma situação de estresse elas liberam cortisol o que chamamos de hormônio do estresse, ele acaba encurtando a onda folicular e consequentemente diminuindo suas chances de emprenhar, abaixando sua taxa de sucesso de prenhez.

Então, sempre que for fazer IATF deixe as vacas no pasto mais perto do curral para não estressá-las ao levá-las.

Usar técnicas menos invasivas para colocá-las no brete, como por exemplo:

  • Os bastões com a bandeira branca na ponta é uma boa opção.
  • Fazer avaliação ginecológica.
  • Sempre manter limpo bebedouro, caso não tenha bebedouro verificar se os animais têm acesso a água com facilidade.
  • Ter cocho coberto ao longo do pasto e com espaçamento adequado.
  • Escolher bem a forragem de acordo com a região e o índice pluviométrico

Manejo de IATF com o software de gestão de fazendas Prodap views

Com o Prodap views você consegue gerenciar todo o seu ciclo reprodutivo desde a colocação do implante ao nascimento e ao peso do desmame tudo em uma simples operação de curral.

O software te ajudará a ter uma visão mais clara sobre como tem sido o manejo e preparação para a IATF!

Tenha em mãoes seus índices de prenhez através dos registros de exames ginecológicos e andrológicos e faça lançamento partos via aplicativo mobile tornando mais fácil saber aonde atitudes devem ser mudadas para alcançar determinados objetivos de qualuqer lugar onde você estiver.


Além disso, dentro do sistema você consegue medir a eficácia da IATF gerando relatórios de taxa de prenhes por semem, inseminador e protocolo. Assim é mais fácil saber em uma unica tela quantos animais ficaram prenhes por monta.

Fale agora com um de nossos especialistas e veja como o Prodap Views pode mudar a história da sua fazenda.

Fale conosco e veja como Prodap views pode te ajudar! 


Sobre Rebeca Pimentel

Graduanda em Medicina Veterinária pela UNIBH, pecuarista, envolvida com a pecuária de corte desde o início da faculdade, atuante na área de reprodução de bovinos com curso em ênfase em IATF, focada em transformar a pecuária no mundo e a história dos pecuaristas. Atualmente estagiária da Cadeia da Carne da PRODAP.

 

Deixe seu Comentário

Você também pode se interessar

Fique por dentro das nossas novidades

Inscreva-se em nossa newsletter