Leitura e status de escore de cocho com software de gestão Prodap views

A nutrição animal é responsável por 60 a 70% dos custos totais de um sistema produtivo, com o software de gestão para pecuária de corte Prodap views identifique e solucione problemas de desvio de consumo na sua fazenda
por Renan Morcelli em 08/Jun/2020

Na atual conjuntura da pecuária, muito se tem discutido sobre resultados, perspectivas de ganhos e controle. Mas como de fato, as informações coletadas podem se transformar em ações para otimizar os processos e aumentar a produtividade das fazendas? 

O primeiro passo dentro da cadeia produtiva é entender em que patamar estamos, e principalmente onde almejamos chegar. Traçados estes dois pontos, vamos definir qual a melhor estratégia para deslocarmos de um patamar a outro.

Em um rápido diagnóstico, identificamos quais os pontos fortes e quais os principais gargalos do sistema produtivo, agindo nos pilares que mais limitam nossa produtividade, a régua mais baixa do nosso barril produtivo que o impede de transbordar. 

Olhando pelo lado financeiro do negócio, houve um aumento em praticamente todos os custos de produção e o valor do produto final não acompanhou na mesma escala, diminuindo consideravelmente a margem da pecuária.

Além de todos estes entraves econômicos, a cada dia aumenta a necessidade de se produzir com qualidade e sustentabilidade, preservando os ecossistemas e atendendo uma demanda de consumidores cada vez mais exigentes. 

A importância de ter a informação certa

Pensando em todos estes aspectos, um dos primeiros passos é levantar informações para basear nossa tomada de decisão. Mais importante que a própria informação, é ter uma informação correta nas mãos. Caminhar na direção errada pode ser mais prejudicial que permanecer no patamar que estamos. 

Olhando para o sistema produtivo, a nutrição é responsável por 60 a 70% dos custos totais. Desvios neste aspecto têm um impacto muito grande em dois pontos fundamentais; produção de @ e resultado financeiro do sistema.

Se tomarmos por base um plano nutricional com um custeio de R$ 120,00/cab./ano, ignorando um desvio de consumo 30% acima da meta, em um rebanho de 1000 cabeças, significa um gasto de R$ 36.000,00 a mais no ano, não necessariamente com um desempenho positivo na proporção do gasto, uma vez que buscamos uma nutrição de precisão.

Fazendo o manejo alimentar com o software de gestão para pecuária de corte Prodap views

Uma das ferramentas que nos auxiliam na assertividade deste quesito é o status de escore de cocho do Prodap Views Master. Dentre diversas outras funcionalidades do software, o escore de cocho nos arremete a análises dos processos de fornecimento das misturas. 

Existem diversos fatores que podem influenciar no consumo de suplemento mineral/ração nas fazendas, dentre eles podemos destacar:

  • Fornecimento do produto – Se de fato o produto foi colocado no cocho;

  • Estrutura e acesso ao cocho – Se o cocho é capaz de cobrir 100% do mineral, se apresenta uma altura ideal do solo e se os animais não encontram nenhuma barreira física para acessar o produto;

  • Uniformidade de lote e espaçamento de cocho – Se não há dominância excessiva no lote e se há espaço suficiente para todos os animais acessarem o produto;

  • Frequência e quantidade de fornecimento – Se o produto está sempre fresco para consumo ou se é colocado uma quantidade que os animais não dão conta de consumir em poucos dias;

  • Mistura adequada – Se a dieta está balanceada e os níveis estão ajustados para época do ano, principalmente de ureia e sódio que travam o consumo;

  • Animais desmineralizados – Geralmente animais de compra (recém-chegados) apresentam um consumo depravado de mineral por conta da sua condição anterior de mineralização;

projeto para fazer cocho

Com a utilização do aplicativo, alguns destes fatores são rapidamente identificados. Com a seleção da dieta utilizada e o período vigente, um painel contendo informações de abastecimento nos indica se o número de visitas e se o volume abastecido foi realmente suficiente para a quantidade de amimais, também indicada no aplicativo. 

Entrando na funcionalidade de coleta do aplicativo, antes de abastecer o cocho, o funcionário fornece as informações de escore (cheio, adequado ou vazio), de acesso (bom ou ruim), de estrutura (boa ou necessitando de reparo), se o cocho foi reabastecido, informando a quantidade e a mistura utilizada. 

Com estas informações em tempo real, podemos descobrir o que pode estar desviando nossa meta de consumo.

Exemplo: o consumo do mineral foi abaixo do esperado em determinado período, e quando acessamos o gráfico de escore de cocho, notamos que a porcentagem de cochos vermelhos (cocho vazio) é cerca de 70%.

leeitura de cocho com software

Esta informação indica que a frequência de reabastecimento não está sendo suficiente, uma vez que na maioria das vezes que o vaqueiro/salgador chega no cocho, o mesmo está vazio, indicando que os animais estão ficando por algum período sem mineral.

Da mesma forma, se o consumo estiver acima do ideal, mas a frequência de abastecimento estiver baixa e o escore de cocho sempre vermelho, podemos induzir que os animais passam tempo demais sem o produto disponível, e quando reabastecido apresentam consumo depravado. 

Com as informações sobre logística, estrutura de cocho, acesso e fechamento de consumo conseguimos mitigar entraves na nutrição do rebanho, atuando de forma ágil e precisa na origem do problema.

É essa ação rápida que diminui perdas e faz a nutrição de precisão necessária para alavancar a produtividade e diminuir custos, alcançando o sucesso da atividade.

E você está identificando os problemas que podem afetar o sucesso da sua produção dentro da sua fazenda? Comece a fazer isso agora!
Peça uma demonstração gratuita do software de gestão pecuária Prodap views.

 

Sobre Renan Morcelli

Zootecnista pela Universidade Federal do Espírito Santo - UFES, consultor Prodap de sucesso do cliente e trabalha com a cadeia da carne no ES, sul da BA e leste de MG!

Deixe seu Comentário

Você também pode se interessar

Fique por dentro das nossas novidades

Inscreva-se em nossa newsletter